X

A casa intimisou.

 

Arma-se a fogueira. Ardem belas brasas, pirilampam rubro-negras fagulhas pelo ar.

Pelo ar noturno ressoante, estridência de balalaica no chalé de madeira.

 

Longas são as horas para os que esperam?

Maior a alegria deles – irmão irmãs – e o universo: tudo tem e cada objeto o tamanho dos desejos!

Existir – que maravilha!

Cada hora, ah! é uma hora novíssima, a esperança dentro.

 

E a casa – arca de doçuras – navega na tormenta.

 

Pag Anterior
Pag Anterior
Pag Anterior
Pag Seguinte
Pag Seguinte
Pag Seguinte

Pag

 12/22

Mostrar Mais

cmp