XVII

O ar em liberdade vibra no espaço seco.

Meio-dia.

A luz espalma na fachada recortando a velha data, estilhaça o brilho nos vidros

 

               E A CASA PERDURA,

               SOB ÁRVORES E MEMÓRIA.

 

Pag Anterior
Pag Anterior
Pag Anterior
Pag Seguinte
Pag Seguinte
Pag Seguinte

Pag

 19/22

Mostrar Mais

cmp